[História de jogador] Conheça Brandon Wegher

0

A sensação dessa pre-season por enquanto, Brandon Wegher que já marcou 3 TDs – 2 contra os Dolphins e 1 contra os Bills – tem uma história interessante para contar no Undrafted, programa da NFL Network que será exibido a partir do dia 22 de setembro.

Wegher teve um recorde de 3.238 jardas corridas na sua temporada de senior no High School o que lhe garantiu um lugar na universidade de Iowa Hawkeyes da conferência Big Ten.

“Eu definitivamente fiz as coisas certas no High School, em termos do que precisava ser feito para chegar onde eu queria.” disse o Wegher.

Em Iowa, os recordes não pararam, Wegher teve 8 touchdowns corridos como freshman.

“Foi um dos melhores anos da minha vida. Eu adorava jogar futebol em Iowa. Eu tive grande experiências, muitos amigos. Foi uma experiência que eu nunca vou esquecer.”

Mas os recordes pararam no seu ano de freshman. É aqui que a história muda o rumo completamente. Com problemas extra-campo, Wegher teve que abandonar a universidade depois de uma só temporada. Os problemas do porquê ele ter saído da universdade nunca foram muito bem explicados. Ele chegou a se transferir para Oklahoma, mas estava academicamente inelegível e nunca jogou um down sequer.

“Eu perdi tudo que eu tinha trabalhado a vida inteira para conseguir. Eu estava em um lugar diferente mentalmente falando.”

Isso fez com que Wegher se transferisse para Iowa Western, mas também foi declarado inelegível academicamente e também não pôde jogar. Durante esse tempo, Wegher foi preso em Akron e foi condenado por violência doméstica. Ele alegou ter empurrado seu irmão tão forte que ele bateu a cabeça na pia da cozinha. Wegher também foi preso por uso de drogas em público.

“Eu só estava sendo uma criança, eu não tinha noção do que estava fazendo.”

Wegher começou a se reerguer em Sioux City, onde ele trabalhou como minerador e pedreiro em uma empresa de construção. Foi nesse período que o seu filho nasceu. Em 2013, depois de três anos longe do futebol, Wegher teve uma chance na universidade Morningside e foi ali que ele teve a chance de mostrar que ainda podia ser grande no esporte.

“Quando tive meu filho… Obviamente aquilo me fez mudar completamente. Me forçou a crescer.”

Em duas temporadas em Morningside, Wegher correu para mais de 3.800 jardas inclusive, quebrou o recorde da divisão NAIA correndo para 2.610 jardas em sua última temporada.

brandon-wegher-morning-side

Wegher em Morningside

“Depois de tudo isso, nada iria me parar. Eu coloquei um objetivo, um objetivo de quebrar o recorde de jardas corridas em uma única temporada.”

Os números em Morningside e um pro day impressionante fizeram com que os scouts o olhassem de uma forma diferente e os Panthers o foram buscar como undrafted.

“Seria legal jogar na NFL, mas esse não é meu objetivo principal. Meu objetivo é ser titular na NFL. Pode não ser no primeiro ano, pode não ser no segundo ano, mas eu vou conseguir e eu acredito que tenho o que é preciso para isso. Eu tenho orgulho de onde eu cheguei e do que me tornei.”

Brandon Wegher corria totalmente por fora para fazer o roster final no início do training camp. Hoje, já seria praticamente uma loucura deixar ele de fora depois do que mostrou nos dois jogos. Resta saber na vaga de quem ele ficaria.

Ron Rivera nos OTA’s em Maio disse que Wegher seria um “diamante para ser lapidado”. Um pouco do brilho desse diamante já está começando a aparecer.

Compartilhe

Sobre o Autor

Fã de Carolina Panthers desde 2011, Felipe é programador e se aventura como Running Back nas peladas tentando incorporar o espírito de Jonathan Stewart, mas o máximo que consegue é ser um Trent Richardson. Twitter: @lipevieira

Comente