Pós jogo – Panthers vs Texans

0

Football voltou, meu povo! Panthers receberam os Texans iniciando, de fato, a pré temporada da NFL e venceram em casa por 27 x 17.

Jogo sem muitos titulares, e a maior parte deles jogando um drive só, porém o suficiente pra matar a saudade dos Panthers. Muitos jogadores, pela falta de titulares, tiveram a oportunidade de aparecer mais em campo como por exemplo o Damiere Byrd que por conta das ausências de Fred Ross e Curtis Samuel, ficou mais tempo em campo.

MVPs

Damiere Byrd

De longe o melhor jogador da partida! Byrd aproveitou as oportunidades e não fez feio, terminou a partida com 4 recepções, 98 jardas e 2 touchdowns. Falamos no post pré jogo que era importante ficar de olho nele na batalha para o roster principal, e o primeiro passo foi dado.

 

Touchdown de 50 jardas do Byrd

Touchdown de 50 jardas do Byrd

Com a saída de Ted Ginn Jr do time ficamos sem um recebedor que estica o campo em rotas verticais, Byrd pode ser o cara com capacidade para ocupar esse posto.

 

Inteligente jogada do Byrd buscando o first down pós recepção.

Inteligente jogada do Byrd buscando o first down pós recepção.

DAMIERE BYRD TD 2

Byrd vencendo o CB pra anotar seu segundo TD.

Kelvin Benjamin

Nosso WR1 abriu o placar do jogo com um lindo touchdown em cima do CB1 dos Texans. Particularmente, Kelvin, tem que se superar esse ano para ter a confiança da torcida de volta. Após aparecer bem acima do peso e um pouco mais lento nos treinos, Benj voltou bem para essa partida. Ele mesmo disse que estava mais leve e mais rápido, e realmente mostrou isso. Com 2 recepções e 1 TD, participou dos primeiros dois drives só, o suficiente pra deixar um gostinho de “estou bem.”

O que esperamos de um WR com 1,95 de altura.

O que esperamos de um WR com 1,95 de altura.

Christian McCaffrey

Nossa escolha de primeira rodada estreou como um Panther! Ainda pouco usado claro, primeiro jogo de pré temporada, mas foi bem quando usado. McCaffrey teve 7 carregadas para 33 jardas, sem nenhuma recepção. McCaffrey disse após o jogo que poderia ter tido mais jardas nessas carregadas, ou seja, ele tinha a visão do que era pra fazer mas na hora não deu tempo de fazer.

Paciente, esperando os bloqueios e ótimos cortes.

Paciente, esperando os bloqueios e ótimos cortes.

cmc3

Tyler Larsen

Larsen vem mostrando bom football desde o final da temporada passada, quando Ryan Kalil e Gino Gradkowski ficaram de fora. Hoje, novamente, Kalil não jogou e Larsen foi titular contra a 1ª defesa dos Texans. Larsen é jovem, e deve virar backup automático do Ryan Kalil, e quem sabe, seu sucessor.

Harrison Butker

Sim! Nossa escolha de 7ª rodada foi bem. Butker foi necessário uma vez na partida quando acertou um field goal de 51 jardas, coisa que Gano errou. Teremos competição na posição de K sim senhor.

Butker!

Lindo chute, como manda o manual. Alto, forte, no meio do Y.

Cole Luke

Luke não foi o melhor em campo, mas foi sim uma surpresa boa. Undrafted rookie de Notre Dame mostrou serviço. Jogou snaps de nickel e outside.

ksdk

Austin Duke

Duke começou mal a partida, contou com 1 possível fumble na sua primeira recepção (o qual não foi, voltaram a jogada) e na jogada seguinte dropou a bola. Porém, no drive posterior, apareceu bem com duas recepções seguidas para first down. Sem contar um retorno de punt honesto. Com a ascensão de Byrd nessa partida, as chances de Duke fazerem o roster são pequenas. Deve ficar no PS mesmo.

Uma das recepções do Duke

Uma das recepções do Duke

David Mayo

LB reserva David Mayo mostrou estar evoluindo e participou de algumas highlights plays. Forçou um fumble e anotou uns tackles bem agressivos. Mayo tem passaporte confirmado para o roster.

Mayo com o fumble forçado

Mayo com o fumble forçado

NOT MVP AT ALL

Essa parte do post é dedicada aos jogadores que mandaram mal na partida.

Graham Gano

Começando com ele, o possível jogador mais odiado da panther nation. Gano teve um dia “ruim” errando um FG de 50 jardas. Ruim? Sim! Um franchise K precisa acertar esse tipo de chute, e o Gano tá longe de ser franchise K. Vai ter que batalhar com o Butker pra continuar como jogador dos Panthers.

Austin Duke

Você deve estar se perguntando: “ué, mas ele não estava lá nos MVPs?” Sim, eu te respondo, porém, até as suas duas recepções Duke entrou nervoso e cometeu alguns erros. Entre eles um drop ridículo e uma jogada que podia ter sido fumble (que no lance, foi retornado para touchdown).

Austin Duke drop

Zack Sanchez

Segundanista CB não mostrou, de novo, ser um bom CB pra depth. No drive do touchdown de Deshaun Watson, todos os passes do QB adversário foram na área de Sanchez, e todos eles na primeira leitura. Zack pode perder espaço na decisão do roster final.

bad sanches

Sanchez dando muito espaço pro WR e sofrendo com isso.

Jeremy Cash

Outro segundanista que não foi bem na partida. Errando zonas e marcações no campo e perdeu alguns tackles teoricamente fáceis. Pode pesar na hora de fazer o roster.

Colin Jones e Dezmen Southward

Os nossos dois safeties reservas mandaram muito mal ontem. Em todos os snaps contra Deshaun Watson, os dois, demoravam uma eternidade para chegar na jogada de tão recuados que estavam. Isso pode ser muito perigoso para a temporada, pois estamos a uma contusão de um S titular de ter uma secundária horrível.

Observações:

  • WR Russel Shepard participou de poucos drives sem nenhuma recepção
  • O DE Efe Obada, inglês que está no pratice squad, teve uma partida bem honesta. Jogou um pouco menos que 2 quartos e anotou um sack.

Sack do Efe Obada.

  • S L.J McCray teve alguns lances bons na partida, mostrou ser agressivo quando foi para a linha de scrimmage, desviou um passe, e não perdeu nenhum tackle.

Injury:

  • DT Vernon Butler saiu com uma torção no joelho esquerdo no começo da partida. Momento da contusão do Butler abaixo, Breno Giacomini com agressividade desnecessária.

  • WR Brenton Bersin recebeu um tackle bem agressivo e saiu com uma contusão no quadríceps.
  • TE Scott Simonson participou de um snap e saiu com uma contusão no posterior da coxa.

#KeepPounding

Compartilhe

Sobre o Autor

Fã do Carolina Panthers desde 2011, João Marcelo começou a se aventurar no mundo de matérias dos Panthers em 2014 onde criou um blog exclusivo dos Panthers. Tem como ídolo Luke Kuechly e espera que ele vire o próximo Ray Lewis.

Comente