[Pós-jogo] – Redskins @ Panthers

0

Meus queridos amigos e leitores, continuamos invictos! Após 10 rodadas, nós ainda não conhecemos uma derrota sequer, 10-0, imbatíveis.

A presa da vez foi o Washington Redskins, que vinham de vitória/surra em cima dos Saints, com direito a rating perfeito do QB Kirk Cousins. E com o passar da semana estavam achando que iriam repetir o feito da semana passada, porém, isso aqui é Panthers neném. Em um jogo que o ataque terrestre dos Redskins foi nulo – apenas 14 jardas em 12 tentativas – ficou muito fácil de parar Kirk Cousins. Sem sombra de dúvidas esse jogo foi o mais tranquilo da temporada, no começo da partida tivemos 2 erros que possibilitaram 2 touchdowns para os Redskins, porém depois disso, um massacre total tanto por parte de Cam e do ataque, quanto por parte da defesa.

O jogo começou com Newton mostrando o que faria a tarde inteira, lançando touchdown para Stewart em sua segunda campanha. Os Redskins responderam em seguida em um touchdown longo em que DeSean Jackson queimou o S Colin Jones facilmente. Mas o passe longo era a única arma dos Redskins que funcionava e rapidamente, Sean McDermott arrumaria isso e não aconteceria mais.

Se os Redskins responderam rapidamente, Cam Newton não deixaria barato e colocaria mais 7 no placar em um passe para o FB Mike Tolbert. E agora, se preparem que é o único momento do jogo que eu falarei mal do time nesse jogo, pois Graham Gano chutou o kickoff na linha de 1 jarda com um hangtime horrível que não deu tempo do Special Teams se posicionar e Andre Roberts levou pra casa a futebola. 14-14. A partir daí, só deu Panthers. Ted Ginn marcaria seu touchdown do dia e agora está a apenas um de igualar a sua melhor marca da carreira em touchdowns.

Em um fumble forçado por Kuechly e recuperado por Davis, Cam Newton só teve que caminhar 24 jardas para marcar o seu quarto touchdown da noite em um passe para Greg Olsen. Na campanha seguinte dos Redskins, foi a vez de Kony Ealy dar o sack e forçar o fumble que ele mesmo recuperou. Dessa vez Newton acharia Devin Funchess para seu segundo touchdown da carreira e quinto touchdown do Newton no dia, um recorde de Newton que também empatou com Steve Beuerlein como o único QB dos Panthers a lançar 5 TDs em um mesmo jogo. Importante dizer que foi a quinta vez no jogo que os Panthers chegaram na redzone e a quinta que saíram com touchdown, isso mostra a força desse time na redzone.

Newton ainda posicionaria o time para mais dois FGs e terminaria o jogo para ele e muitos titulares com ainda 10 minutos para acabar o jogo. Foi a melhor hora possível para vencermos de blowout um jogo, pois quinta-feira temos uma parada dura contra os Cowboys e esses 10 minutos de descanso foram preciosos.

Mesmo com os reservas, os Redskins não conseguiram reagir e ganharam 2 pontos de presente só porque Ron Rivera não quis arriscar um punt de dentro da endzone. Placar final 44-16.

Preparem o peru porque Thanksgiving vêm aí. Que venha os vaqueiros de Dallas!

Destaques Positivos:

Cameron  Newton: Mais uma vez nosso franchise QB está mostrando que é maduro e que está na briga pelo MVP sim senhor. Cam teve 5 touchdowns na partida, sendo 4 só no primeiro tempo. Esse número é o maior da carreira dele e igualou o maior número da história da franquia. Outro fato importante do Cam, nessa partida ele ultrapassou o QB Jake Delhomme em jardas totais na história da Franquia, esse é o nosso franchise.

Greg Olsen: Greg teve sua pequena contribuição no jogo com 1 Touchdown, porém, o jogo ficou marcado por Olsen passar o TE Wesley Walls com o maior número de jardas totais por um TE. Grande feito para o nosso TE.

Devin Funchess: Nosso menino está evoluindo. Mais um touchdown na partida e se mostrou como uma Redzone threat, que é o que nós esperávamos dele nessa temporada de rookie.

Bené Benwikere: MVP da defesa, após ser comentado que a participação dele seria essencial, ele apareceu. Com 5 tackles, 1 sack, 1 fumble forçado e 1 recuperado Bené está de volta com boas atuações.

Destaques Negativos:

Difícil falar em destaque negativo quando se ganha de 44 a 16, mas se não fosse o kickoff ruim de Graham Gano, a lavada poderia ser ainda maior.

MVP da partida:

QB Cam Newton

Notas dos setores:

Quarterback: A+

Running backs: A

Wide Receivers: A-

Tight Ends: A-

OL: B-

DL: A+

Linebacks: A-

Secundária: B+

* Colaborou João Marcelo Thalhofer

Compartilhe

Sobre o Autor

Fã de Carolina Panthers desde 2011, Felipe é programador e se aventura como Running Back nas peladas tentando incorporar o espírito de Jonathan Stewart, mas o máximo que consegue é ser um Trent Richardson. Twitter: @lipevieira

Comente