Ron Rivera corre risco de ser demitido?

0

ron-rivera-risco-demitido

Ahh a Black Monday, o dia após o final da semana 17 que os times demitem os treinadores, mas será que Ron Rivera, treinador que esteve no Super Bowl passado corre risco de estar procurando emprego novo no dia 2 de Janeiro?

Com certeza, Ron Rivera e os Panthers decepcionaram nessa temporada começando com um recorde de 5 derrotas e apenas 1 vitória, já parecia que o Draft seria o principal assunto desde Outubro e apesar de rolar uma pequena esperança durante Novembro, não passou de esperança infundada por nós torcedores.

Substituição de Josh Norman

Apesar de muitos terem ficados chateados com a saída de Josh Norman, não perdemos nenhum outro grande jogador na offseason e a base do time do Super Bowl tinha se mantido para essa temporada e ainda com a competência dos scouts de terem achados um ótimo cornerback chamado James Bradberry no Draft quando todo mundo criticava o “reach” dos Panthers no jogador de Samford. Se hoje fosse feito o famoso Re-Draft, certamente James Bradberry sairia na primeira rodada, ou seja, a queda não foi tão brusca de talento na posição de cornerback, Ron Rivera não pode reclamar que perdeu peças e não foram repostas.

Famoso apagão no segundo tempo

Certamente isso foi uma história na temporada passada e Ron Rivera não conseguiu resolver para essa temporada, ao contrário, até piorou o problema. Muitos foram os jogos que estávamos ganhando no intervalo do jogo e na volta do segundo tempo, o time simplesmente não produzia e tomava a virada. O coaching staff adversário corrigia algumas coisas que não deram certo no primeiro tempo e voltava com outra estratégia que Ron Rivera e seu staff não conseguia contra-atacar e por muitas vezes perdia o jogo.

Super Bowl

cam-newton-super-bowl-50

Decepção de Cam Newton no Super Bowl

Em Fevereiro, Wade Phillips, coordenador defensivo de Denver Broncos, ao se preparar para o grande jogo da temporada percebeu alguma coisa que ninguém tinha percebido ainda ao enfrentar os Panthers. As corridas de Cam Newton não partiam de improvisos e sim de jogadas desenhadas para ele correr. Por isso, Wade Phillips foi pro Super Bowl com uma estratégia arriscada: chamar mais blitzes, quando todo mundo que enfrentava os Panthers ficava receoso de chamar blitz porque tinha medo de Newton escapar e castigar com as pernas, Wade Phillips foi pelo caminho contrário. Deu certo. Denver podia se dar ao luxo de usar uma marcação homem a homem nos recebedores de Carolina por conta da qualidade dos jogadores de secundária de Denver.

Méritos do coaching staff de Denver que conseguiu achar a kriptonita do Super Cam. Restava pro coaching staff dos Panthers conseguir encontrar o antídoto para isso na próxima temporada. Não aconteceu. Toda a NFL percebeu o que Phillips fez, começou a fazer igual e isso é uma das explicações dos Panthers terem ido tão mal nessa temporada.

Gravata

Cam Newton ser colocado no banco em um primetime contra Seattle Seahawks – nossa maior rivalidade dos últimos anos – por não usar uma gravata é uma decisão tão errada que isso com certeza deverá ser colocada em consideração quando pensarmos se Rivera deve ou não ficar em Carolina.

Mike Shula

Todo torcedor critica seu coordenador ofensivo, quando ele chama corrida e dá errado, você tem certeza que uma chamada de passe seria eficiente e vice-versa. Bem, não é bem assim, mas Mike Shula está longe de ser unanimidade e tem a sua culpa também. O ataque dos Panthers é baseado em jogadas que demoram a serem desenvolvidas para aproveitar a força no braço de Cam Newton. Apesar de ter uma das mecânicas mais erradas da NFL, Newton possui talento o suficiente para superar isso. Acontece que no começo da temporada, Michael Oher, nosso LT se machucou e Mike Remmers precisou assumir a posição na esquerda. Como todos sabemos, Remmers é um offensive tackle fraco e não conseguiu dar tempo suficiente para Newton lançar bolas no fundo nas isolation routes, ainda mais com apenas Ted Ginn Jr sendo o único WR rápido no time.

Mike Shula não se ajustou a esse problema durante a temporada e continuou insistindo no erro.

Que fique claro, acredito que Mike Shula não é tão ruim quanto muitos pensam, aliás, longe disso, ninguém consegue fazer um ataque ser o melhor da liga durante uma temporada sem méritos. Mas sua capacidade de adaptação me preocupa. E só vejo Mike Shula saindo como coordenador ofensivo se Rivera deixar o cargo de Head Coach.

Retrospecto Ron Rivera

Apesar de Ron Rivera chegar ao Super Bowl na temporada passada, o retrospecto de Rivera não é muito favorável. Em 6 temporadas com o Panthers, Rivera conseguiu uma campanha vencedora em apenas 2. Pior do que isso é como um time que chega no Super Bowl em um ano e no seguinte não consegue vencer mais que 6 vezes.

Rams interessado em Rivera?

O repórter Ian Rapopport twittou no domingo que Los Angeles poderia estar interessado no técnico Ron Rivera para a próxima temporada. Confesso que dei risada quando li pois a única coisa que Rapopport se baseou era no fato de Rivera ser latino(LA possui uma população muito grande de latinos) e ter jogado em USC e ainda precisaria trocar com o Panthers para isso. Trocas por técnicos são sempre complicadas e Los Angeles não possui muita escolha no Draft seguinte, seria muito arriscado para eles. Mas pensando bem, eles insistiram tanto tempo com Jeff Fisher que eu não duvidaria disso por parte de Los Angeles.

Jay Glazer prevê 7 demissões na Black Monday. Adam Schefter ouve boatos de 2 demissões surpreendentes.

Jay Glazer reportou que vê 7 vagas para Head Coach abertas para a próxima temporada. Sabemos que a vaga dos Rams e dos Jaguars estão abertas. Quem seriam as outras 5? Nomes possíveis que me vieram a mente:

  • Todd Bowles – NY Jets
  • Rex Ryan – Buffalo Bills
  • Marvin Lewis – Cincinatti Bengals
  • Mike McCoy – San Diego Chargers
  • Chip Kelly – San Francisco 49ers

Claro que algum no meio aí pode se manter para o ano que vem, caso de Bowles, Lewis e Kelly, o que colocaria o nome de Rivera bem no meio do furacão.

Junto com Glazer, Adam Schefter publicou que 2 demissões seriam surpreendentes na Black Monday. Ron Rivera certamente faz esse perfil.

O que você acha, torcedor? Ron Rivera merece mais uma temporada em Carolina ou já deu o tempo dele?

Compartilhe

Sobre o Autor

Fã de Carolina Panthers desde 2011, Felipe é programador e se aventura como Running Back nas peladas tentando incorporar o espírito de Jonathan Stewart, mas o máximo que consegue é ser um Trent Richardson. Twitter: @lipevieira

Comente